sábado, 31 de outubro de 2009

À moda da TV

Séries norte-americanas como Mad Men e True Blood licenciam linhas de roupa de seus personagens.

Anna Sui para a série Gossip Girl


True Blood foi desenhada por Udi Behr.


Se você já se perguntou como conseguir roupas tão bacanas quanto as dos personagens das séries norte-americanas, preste atenção. É cada vez maior o número de shows de televisão que licenciam suas marcas para confecções produzirem modelos de roupas e acessórios inspirados em seus protagonistas.


Os últimos a aderirem à moda foram Mad Men, The Real Housewives e True Blood - com isso, os fãs das séries poderão se vestir de modo tão cool quanto um publicitário dos anos 60, sexy como uma verdadeira dona de casa ou adornar os pescoços com colares e correntes ensanguentados (de mentirinha, claro).


Imitar o estilo de personagens de sucesso na televisão está longe de ser algo novo, independente da qualidade duvidosa da tendência na telinha - quem se lembra do chaveiro-mola, popularizado por Cássio Gabus Mendes na novela Champagne, em meados dos anos 80? A diferença é que agora as vestimentas são feitas por licenciados autorizados e de bom gosto.


A designer Anna Sui criou uma linha exclusiva baseada na série Gossip Girl para as lojas Target. Bolsas, calças jeans e roupas de ginástica das participantes do reality show The Real Housewives estão à venda em lojas como Bloomingdales e Fred Segal. A série especial de jóias e acessórios inspirados em True Blood foi desenhada por Udi Behr.


Já a edição especial de roupas Mad Men é confeccionada pela Brooks Brothers. As 250 peças únicas têm detalhes e costuras que remetem à década de 60 e custam US$ 998. São como uma versão atualizada de ternos de alfaiataria que vestiriam elegantemente o publicitário Don Draper nos dias de hoje. Dê uma conferida se o look lhe cai bem clicando aqui.





Fonte: http://www.mmonline.com.br/noticias.mm?url=A_moda_da_TV&origem=mmbymail#

KarlLagerfeld, the videomaker




Karl Lagerfeld fez mais uma de suas experiências pelo mundo da imagem. Agora, o Kaiser fez um vídeo de algumas modelos do último desfile da Chanel. O bacana da filmagem é que podemos perceber pequenos detalhes que durante o desfile escapam dos nossos olhos. O make e a textura dos dos penteados é lindo de morrer. Vale a pena assistir.

Empresa lança sutiã e calcinha que brilham no escuro






Uma dupla de estilistas da Austrália lançou uma linha de lingerie que brilha no escuro.

Em ambientes iluminados, os sutiãs e as calcinhas não são diferentes de lingeries comuns. Mas se eles são expostos à luz por no mínimo dois minutos, eles passam a brilhar no escuro.A ideia é de Jan Hawley e James Sutton, donos da empresa LuminoGlow.

Hawley, de 55 anos, conta que teve a ideia pela primeira vez quando trabalhava com revenda de têxteis e se deparou com uma empresa que lançou uma linha de tecidos que brilham no escuro.


No entanto, a tinta dos tecidos espalhou-se pelo maquinário, causando prejuízo à empresa, que abandonou a linha. Consequentemente, Hawley desistiu de fabricar os sutiãs e calcinhas com o material.

Depois de alguns anos, a designer resolveu retomar a ideia. Em parceria com uma tecelagem europeia, ela desenvolveu a linha de calcinhas e sutiãs com material fosforescente.


A empresa vende o produto na Austrália e em alguns países da Europa, mas pretende agora ampliar seus mercados.


Fonte:http://estilo.uol.com.br/moda/ultnot/bbc/2009/10/29/ult3362u137.jhtm

O Fashion Rio já tem tema definido!



As próximas semanas de moda brasileiras têm data marcada no calendário do fashionista – a novidade é que a temporada outono-inverno 2010 do Fashion Rio, que acontece entre os dias 08 e 13 de janeiro de 2010, agora possuem tema definido. “Rio Olímpico e Maravilhoso” é o nome da próxima edição da fashion week carioca, alinhavada com a notícia de que será essa a cidade a sediar os jogos olímpicos de 2016. Gostou? Comente!

Snoopy Fashion







Barbie faz 50 anos. Hello Kitty tem 35. E o Snoopy? Ele completa 60 anos em outubro de 2009, sabia? Pois é! A Semana de Moda do Japão fez uma homenagem muito divertida pro cãozinho criado por Charles M. Schulz: enquanto ela acontecer, vai abrigar uma expô com Snoopy de pelúcia vestindo looks de grifes internacionais. Quer ver o Snoopy da Chanel?





Fonte:http://www.lilianpacce.com.br/?p=26574

Book: Maison Martin Margiela




Editado pela Rizzoli o livro sobre a Maison foi escrito pelo próprio Margiela!!! Contribuem também, como autores: Jean Paul Gaultier, Susannah Frankel, Andree Putman e Vanessa Beecroft.


Margiela graduou-se pela Antwerp’s Royal Academy of Fine Arts, em 1980. Ele transformou a moda em um cenário polêmico por suas abordagens radicais, principalmente sobre o luxo.

Levou a desconstrução japonesa ao extremo – suas palhetas são monocromáticas, as silhuetas ousadas, materiais nada tradicionais acompanham o clima de mistério não só de suas coleções, como também até da própria Maison, já que Margiela raramente dá entrevistas e quando faz, apenas por email.

O documento em forma de livro, lançado pelo próprio Martin será objeto de desejo entre os fashionistas. Você gostaria de desvendar um pouco deste misterioso artista? O book já está disponível na Amazon.
 



A.Chic lingerie by über fashion marketing



Nós da über acabamos de criar mais um trabalho que nos deu muito prazer. A marca A.Chic foi toda concebida por nós (cores, fonte, nome, etc), esse projeto foi feito para a mais nova marca de lingerie do pólo de Nova Friburgo, que pertence a já super competente e conhecida Cristiana Arrabal.

Ainda não temos fotos da coleção, mas todos podem esperar que vem muita coisa boa por aí, a Cristiana desenvolveu peças lindas e muito estilosas, destaque especial para o homewear - super fofos!

sexta-feira, 30 de outubro de 2009

Almofada iluminada




Não sei se começo escrevendo sobre uma luminária super confortável, ou se falo sobre uma almofada muito original que ilumina o ambiente. Tanto faz. A verdade é que essa invenção combina muito bem os dois. É linda, muito criativa e dá vontade de abraçar. O “d light huggable pillow” funciona com baterias e é recarregável. Quem fez foi o pessoal da Yanko Design – que normalmente aparece com incríveis criações conceituais –, só que essa daqui está no site deles com mais um monte de novidades incríveis, finalmente à venda.


Novos Jeans da Diesel




Sem dúvidas a Diesel sempre foi criativa, especialmente com sua coleção de jeans. Mas para o outono-inverno 2009 eles lançaram uma emocionante coleção, chamada “Flash For Fun”, que apresenta jeans e camisetas que brilham no escuro, com cores fluorescentes e neons.



Desenvolvida pela equipe Diesel, liderada pelo diretor Wilbert Das, as peças foram desenvolvidas para aquelas pessoas ultra ocupadas. As peças são discretas durante o dia, enquanto à noite revelam detalhes extremamente brilhantes, principalmente se expostas em lugares com iluminação de luz negra, como clubes e boates. Sim, definitivamente os anos 80 estão de volta!



Lagermouse



Homenagem para Karl Lagerfeld: um ratinho todo fofo que é a cara dele


Dos nomes da moda atual, ele é o que mais ganha caricaturas e imitações engraçadinhas. A última reprodução do kaiser? O Karl Lagermouse. A criação, do The House of Mouse, que produz ratinhos inspirados em personalidades e temas, vem com os óculos a la Lagerfeld, roupa identica e o indefectível rabo de cavalo...


O Lagermouse é de pelúcia, todo fofo. No site do House of Mouse tem mais. Olha só.

Redes sociais aquecem o e-commerce




Sites como Orkut e Twitter estão entre os passatempos preferidos do brasileiro, que chega a passar 80% do seu tempo online em redes sociais O brasileiro adora a internet. De acordo com estudo divulgado em outubro pelo Instituto Brasileiro de Opinião Pública e Estatística (Ibope), mais 64,8 milhões de pessoas estão conectadas no país. A popularização do acesso à internet e a facilidade na aquisição de computadores incluíram as classes C e D na rede e fomentaram ainda mais a inclusão digital.


Para os empreendedores, a boa notícia é que esses números também apontam para oportunidades de negócio na rede. Hoje o comércio eletrônico já é considerado a melhor possibilidade em termos de negócios no Brasil e projetado como o segmento comercial mais progressor, devido ao seu faturamento e seu crescimento a cada ano. Estimado para mais de R$ 10 bilhões, o faturamento esperado para 2009 supera expectativas de crise e se destaca em comparação a outros setores da economia.



E novas tendências continuam surgindo. Uma outra pesquisa recente, realizada pelo Nielsen Online, mostrou que 80% dos brasileiros gastam seu tempo de acesso na web para interagir em redes sociais, como Orkut, Facebook e Twitter. O país está entre os primeiros na lista de acesso à redes sociais em todo o mundo. E algumas empresas já estão investindo nesse filão para incrementar suas vendas. O objetivo é trazer esse conceito de rede social para os negócios online e vender pela internet de uma maneira diferente que interaja com o cliente e fuja do padrão atual de vitrine virtual.


Veja a matéria completa no: http://br.hsmglobal.com/notas/55242-redes-sociais-aquecem-o-e-commerce?utm_source=301009_digital&utm_medium=301009_digital&utm_content=301009_digital_redes-sociais-aquecem-o-e-commerce&utm_campaign=301009_digital

O ressurgimento de Granado e de Phebo



Há pouco mais de cinco, dez anos, quando se falava da marca Granado, o único produto que vinha na cabeça dos consumidores era o Polvilho Antisséptico. O talco que nossos pais e avós sempre tiravam do fundo do baú era imbatível para resolver os problemas de odores vindos dos pés e até das axilas. Phebo também era outra marca líder em seu segmento. Quem pelo menos nunca lavou as mãos com o sabonete em formato oval de glicerina com seu perfume único de Odor de Rosas?



Mas esta história, como o nome diz, mostra o passado de duas marcas que eram sucesso de vendas e lembradas pelos consumidores. O tempo, e mais precisamente as gestões das duas, as deixaram para trás. Granado se tornou uma marca desgastada de um produto só, enquanto Phebo se marginalizou como produtos de segunda linha. De novo, estamos falando do passado, pois essas duas marcas que o tempo havia deixado para trás foram buscar em suas essências uma redenção e, acredite, estão na moda de novo. Voltaram com tudo.


Lojas são centros de experiência com a marca





As embalagens são uma estratégia a parte. Na compra da Granado, havia um grande acervo de layouts que são revisitados nos novos produtos. Algumas originais foram reeditadas. O objetivo é manter a linha tradicional. “Queremos manter a essência da marca”, ressalta Sissi, para quem o desafio de trabalhar uma marca centenária é encarado com a tranquilidade de uma especialista. “O importante é manter a qualidade, a consistência dos produtos e oferecer outras linhas. Se uma pessoa usa um produto da marca e gosta, não tem porque não usar outros”.

Outra ponta importante nesta virada de mesa da Granado, as lojas estão entre os 20 maiores faturamentos das marcas. São três no Rio de Janeiro - no Centro, Tijuca e no Leblon -, duas em São Paulo – nos Jardins e na Daslu – e uma em Belém, na maior fábrica da empresa. “As lojas são ferramentas de propaganda enorme porque contamos a história da marca e dos produtos. Uma coisa é ter um produto num supermercado e outro na nossa loja, onde as pessoas podem experimentar. O (supermercado) Zonal Sul hoje vende o dobro do que vendia antes da loja ser vizinha. As pessoas começam a conhecer melhor os produtos”, aponta a Diretora da marca em entrevista ao Mundo do Marketing.

Phebo virou fashion


A reviravolta de Phebo se deu com o resgate da fórmula original do sabonete e do lançamento de perfumes. Entre eles, a linha Águas de Phebo, assinada pela estilista Isabela Capeto. “Queríamos fazer um perfume da Phebo, mas a marca estava com a imagem desgastada. Começamos a procurar algumas pessoas e houve esse encontro com a Isabela, que ama Phebo e sempre gostou de Odor de Rosas. Ela tinha o sonho de fazer o perfume boneca”, conta Sissi.




Marketing de Formiguinha


São eles, as velas perfumadas, os cremes, os difusores e as linhas especiais que servem de presente. Homens também enchem as lojas na hora do almoço. “Ninguém dá sabonete para uma amiga. Mas com as lojas e com os produtos diferenciados conseguimos fazer isso. A marca está Premium e as pessoas têm um carinho por ela, um laço emocional. Elas estão presentes na memória afetiva de muitas pessoas”, atesta Sissi.



As marcas também estão presentes na internet, com e-commerce que logo venderá os produtos no exterior e uma forte mídia espontânea em blogs. É o caso do blog Trendy Twins, com 14 posts que citam a Granado, incluindo a foto da loja que ilustra essa reportagem. “Cada vez mais tem blogs com as pessoas escrevendo sem a gente mandar nenhum produto”, diz Sissi, que entra em contato e convida as blogueiras a conhecerem as lojas e como é feita a criação de cada produto. Este tipo de ação é o que a executiva chama de Marketing de Formiguinha.




O Marketing de Formiguinha é este boca a boca, muito proveniente de um trabalho de assessoria de imprensa e das parcerias feitas com hotéis e eventos para distribuição de produtos entre os hóspedes e formadores de opinião. “Não temos verba para investir em muita coisa”, afirma Sissi. “O mais importante é a pessoa experimentar o produto e, depois que vê a qualidade, comprar”.

 
 
Matéria completa no: http://www.mundodomarketing.com.br/1,11819,o-ressurgimento-de-granado-e-de-phebo.htm

Bolsas para homens. Vai de Chanel?




Nestas últimas temporadas, uma coisa que vem chamando bastante a atenção dos homens são as bolsas. Ora ou outra, algum estilista coloca um modelo segurando o acessório. Lá fora, a coisa já pegou. Aqui, alguns arriscam e, sempre que vejo alguém na rua com uma, reparo em outrem olhando com cobiça, inveja ou desprezo. Bom, antes de tudo: a bolsa é aquele exemplo de acessório que você só deve usar se você se sentir totalmente bem. E se não for esquecido – tipo eu – que deixa as coisas em todos os lugares.






A bolsa, na real, está chegando para substituir mochilas e pastas. O motivo? Existem bolsas de variados tamanhos, então você consegue colocar toda a sua bagunça lá dentro. Estão entendo porque as mulheres gostam tanto disto?





Aqui no Brasil, as bolsas com uma pegada mais esportiva são as que mais são usadas. Geralmente, elas aparecem em couro liso ou algum outro material semelhante e a forma é, tradicionalmente, parecida com um trapézio, para lembrar as maletas mesmo. Claro, elas variam. Você pode usar bolsas redondas, de palha, de plástico, com verniz, com desenhos. Só não vale a bolsa da mãe porque… né?




Como tudo neste mundo da moda, para usar uma bolsa, tem que ter um estilo que combina. Não adianta você andar de calça larga e rasgada, camiseta tamanho extra grande e andar com uma bolsa de couro nas mãos. Fica estranho. Então, caso você queira usar uma, adapte o seu estilo à ela. Para um look mais casual, você pode usar bolsas grandes e combinar com jeans bacana, uma bermuda com uma pegada mais social e uma camiseta. Se quiser, vista um colete e pronto =P. Para algo mais sério, uma calça social, uma camisa e uma bolsa.




É fácil, né? E uma ótima opção para todo mundo que perguntou sobre ‘onde usar o celular senão no bolso’. Taí, na bolsa!




E você, já usa bolsa? Se não, teria coragem? Comente!







Smart by 10 estilistas!








O Brandsclub, em parceria com a smart Jardins, realiza um evento em prol da campanha “O Câncer de Mama no Alvo da Moda”, do IBCC. 10 estilistas estão envolvidos (entre eles Carina Duek, NK, 284, Lilly Sarti, Jo de Mer, Reserva e Guerreiro) e acontecem 2 eventos: o 1º começou ontem (28/10), no site do Brandsclub, onde os 10 estilistas colocam peças com até 80% de desconto até o dia 31/11. Toda a renda será revertida ao IBCC! Além disso, no dia 04/11, smarts customizados pelos estilistas vão estar expostos e à venda. Da renda final, 2% também vai pro IBCC. O que você acha?




Informações: sac@brandsclub.com.br

Produtos caros estimulam atividade cerebral




Centros cerebrais de economia: principalmente o córtex pré-frontal ventromedial e o dorsolateral interferem nas decisões que envolvem dinheiro do cérebro


Seu cérebro sabe reconhecer um objeto valioso – mesmo que você não registre conscientemente os valores. Pelo menos é o que mostra um estudo americano recente, publicado no periódico científico Neuron. Para chegar a essa conclusão, pesquisadores escanearam repetidamente o cérebro de voluntários enquanto eles escolhiam entre dois produtos – e ganhavam dinheiro quando optavam pelo correto. Assim, alguns objetos eram associados a valores mais altos. Com a progressão do experimento, os cientistas notaram que áreas visuais do cérebro respondiam mais fortemente à opção que pagava mais. A atividade cerebral indicava o alvo lucrativo de maneira mais precisa que a avaliação racional feita pelos voluntários. Segundo os autores do estudo, esses resultados sugerem que nossa atenção é atraída para objetos valiosos e podemos “vê-las melhor” do que sem valor.



As pesquisas em neuroeconomia têm se constituído nos últimos anos como uma importante linha de estudo. Para melhor compreender como as pessoas (e seus cérebros) reagem em situações em que é preciso tomar decisões que envolvem dinheiro, foi desenvolvido o modelo fictício do Homo economicus, usado para descrever o administrador eficiente, voltado para o lucro, que não se deixa contaminar pela emoção ou distorções na hora de tomar decisões financeiras. Psicólogos suspeitam, porém, que essa figura tenha bem pouco a ver com as pessoas comuns. Na vida real, o comportamento não costuma ser racional. Dinheiro nem sempre é igual a dinheiro: tendemos a gastar duas vezes mais quando usamos cartões de crédito do que quando pagamos nossas contas cédulas e moedas.


Os pesquisadores já descobriram muitas informações curiosas acerca da relação de homens e mulheres com o dinheiro. Confiar nas pessoas com quem fazemos negócios provoca intensas reações cerebrais. Nos que acreditam em seus parceiros, o córtex pré-cingular, uma área que analisa o próprio comportamento e as ações presumíveis do outro, mostra-se mais ativo. O sistema límbico também apresenta atividade aumentada no septo, onde é controlada a liberação dos hormônios vasopressina e oxitocina, que regula o comportamento social.


Outra coisa: tendemos a considerar aquilo que já possuímos mais valioso do que o que temos de comprar. Isso vale também para os bens públicos, como descobriram os economistas David Brookshire e Don Coursey. Eles disseram aos locatários de um bairro que o projeto de cultivo de sua região previa 200 novas árvores. Quanto cada morador doaria para que as mudas fossem plantadas? E quanto exigiram como ressarcimento se, em vez de 200, apenas 175 árvores fossem adquiridas? Resultado: quem imaginou que as 25 árvores já eram de sua propriedade considerou-as 10 vezes mais valiosas.





Fonte:http://www2.uol.com.br/vivermente/noticias/produtos_caros_estimulam_atividade_cerebral.html

10 coisas essenciais para homens antenados



Todo homem precisa de coisas essenciais para o dia-a-dia! Desde aquelas peças básicas pra você não errar ao se vestir, até acessórios e eletrônicos! Reuni os 10 í­tens que tornam a semana mais prática!

1. Camiseta com decote V: A cor cinza é básica, mas existem outras variações de cores padrão para não fazer feio! Combina com tudo e cai perfeitamente no corpo. O decote em V traz um charme ao homem e é atual. Lembrem de estar sempre com o peito liso.



2. All Star branco de couro: A ideia é ter um calçado que possa ser utilizado todos os dias sem errar no look. Combina com a maioria dos jeans escuros.



3. Calça Jeans: O mundo usa Jeans, é sempre atual! Tem diversos modelos para usar e se você não precisa usar social no trabalho é uma ótima opção. Ajustes no caimento das pernas e barras têm que ser feitos.



4. Casacos/Jaquetas: Um que seja flexível, elegante. Para usar no trabalho, em ocasiões formais ou até mesmo para sair em um final de semana. Há em vários materiais, a maioria são leves e podemos usar em várias estações!



5. Sabonete para o rosto e hidratante: Procure um bom sabonete que se adapte ao seu tipo de pele. Assim, você só lava pela manhã e a noite evitando o excesso de poluição, oleosidade, etc. Para complementar use um hidratante.



6. Notebook, Ipod e Celular: Hoje em dia não consigo ficar sem internet. Preciso sempre me conectar ao Twitter, aos sites de relacionamento, ver as notícias e nada melhor que um bom lap. O Ipod é ótimo quando pego ônibus/ metrô. Podemos usar o celular, mas levando em conta o tamanho, um aparelho fininho é mais prático!



7. Óculos Wayfarer: São modernos. depois da febre e popularização dos óculos grandes, o wayfarer ainda está na moda. Antigamente, eles eram usados e agora voltou com tudo em diversas cores, estampas e tamanhos! Só escolher o seu!



8. Perfume: Eu super recomendo o Black da marca Kenneth Cole! Ele é um amadeirado ardente! Com notas de menta, frutas frescas especiarias, hortelã, noz moscada, camurça negra, folhas de violeta, almíscar, âmbar cinzento e madeiras exóticas. Os perfumes são bem pessoais, mas fica a dica caso não conheçam!



9. Pomada para cabelo: Independente se o cabelo é curto, médio ou comprido, você precisa cuida-lo. Não é só lavar, secar naturalmente e pentear! Tenha sempre uma pomada para cabelos. Veja com um profissional qual da vida aos fios e modela.



10. Bolsa: Os homens precisam de uma também. Na europa já não é assunto só para mulheres! As bolsas conseguem dar um UP, que as mochilas não trazem! E por aqui os garotos já começam a usar sem medo. As lojas já trazem modelos masculinos e vocês já leram aqui no MPH também! Para compor um visual mais comportado escolha: couro ou camurça. Para um look esportivo: Nylon, lona.
 
Fonte: http://www.modaparahomens.com.br/

O Melhor da moda masculina





O Prêmio Moda Brasil reuni ao longo de 1 ano, aquilo ‘de melhor’ que foi produzido na moda brasileira, desde coleções, desfiles, propagandas e jornalistas. Para você que é ligado em premiação, este é, sim, o Oscar da moda no Brasil! Na categoria “Estilista Moda Masculina“, estavam indicados Alexandre Herchcovitch (verão 2010), Osklen (inverno 2009) e Ricardo Almeida (inverno 2009). Dá uma olhada no que os caras trouxeram de melhor pelas coleções indicadas:



Alexandre Herchcovitch

Alexandre Herchcovitch, com alfaiataria misturada ao comum. Muito preto, muito pontual, gravatas finas/borboleta quando houveram, e cores mínimas.



Osklen

Osklen, meio dark, com os oclinhos felpudos. Apenas com preto e bege, a coleção trouxe tecidos ecológicos e uma silhueta bem larga.


Ricardo Almeida

Ricardo Almeida, sempre alfaiataria de ponta… sempre alfaiataria de ponta.


Obviamente o vencedor foi Herchcovitch que, por acaso, estava com um dos looks mais comentados e admirados da noite. O cara pegou uma blusa de moleton X, uma calça qualquer, e encheu de diamantes minúsculos. Claro, como a sua coleção, tornou o banal em incrível/original. Vale pra gente? Com certeza – mas não com diamantes!!


Fonte:www.modaparahomens.com.br/2009/10/29/premio-moda-brasil-2009/

Wallpaper inova em uma edição histórica no mês de novembro.





Considerada a revista referência quando o assunto é design, arquitetura e decoração, a Wallpaper inova mais uma vez e lança uma edição histórica no mês de novembro.



* Batizada de "FAB40" a edição celebra os 40 melhores lugares, pessoas e criações de dez países. Os escolhidos foram Estados Unidos, Reino Unido, Espanha, Japão, Canadá, França, Itália, Alemanha, Escandinávia representando a Finlândia, Suécia e Noruega e o por último o Brasil.


* As 10 capas formam uma única figura - o nome desta edição especial. Representando nosso país, a estilista Gloria Coelho ganhou destaque em um editorial onde é possível conferir as apostas do mundo da moda. E mais: vale lembrar que cada um dos países homenageados venderá apenas sua própria capa, a do Brasil já está nas bancas. Corra!

"The World in Vogue: People, Parties, Places"



Nossa Top, na companhia do seu marido Tom Brady, é capa do recém lançado livro da Vogue, a mais importante publicação de moda do mundo. Intitulada "The World in Vogue: People, Parties, Places", a obra reúne o melhor dos editoriais da revista nos últimos 40 anos, além de registros inéditos.

No recheio, o livro traz imagens dos maiores atores, celebridades, modelos, socialites e primeiras damas das últimas quatro décadas feitas pelos mais renomados fotógrafos do mundo fashion.

Confira aqui a capa, que foi fotografada durante o baile anual de gala do Costume Institute, no Metropolian de Nova Iorque, em 2008.



Fonte:http://www.giselebundchen.com.br/gisele_novidades.asp?ididioma=1

Fashionistas dizem o que é "estar na moda"



A segunda edição do prêmio Moda Brasil, versão 2009, levou à Casa Fasano, em São Paulo, na noite de quarta-feira, centenas de fashionistas, cada um no seu estilo. Alguns vestiam criações próprias, como Gloria Coelho (ganhadora como melhor estilista moda feminina), toda de preto como sempre, a misturas e customização de peças, como Alexandre Herchcovitch, com camisa de sua marca, calça Gap e jaqueta de brechó. Em comum em todas as peças vestidas pelo estilista (vencedor na categoria melhor estilista moda masculina), aplicações de pequenas pedras de cristal.


Nesse universo mais do que fashion, em que as misturas de estilos são bem-vindas, com longos de tecidos changeant (que mudam de cor), paetês, veludos de seda e até jeans, o Terra perguntou para alguns presentes: "O que significa estar na moda?". Se você acha que é usar as últimas tendências, está bem enganado. Confira as respostas:




Regina Guerreiro, jornalista:

"A moda não pode ser uma encadernação, mas um transbordamento. Deve-se passar o se que é por dentro com modernidade."



Costanza Pacolato, jornalista e empresária:

"É estar plugado no contemporâneo, não importa a idade, para saber o que é ruim e o que é bom, em todas as áreas da vida. A vestimenta é decorrência. Isso é estar na moda, não é ser elegante nem bem-vestido."



Gloria Kalil, jornalista e consultora de moda

"Prefiro ler esta matéria para saber o que é estar na moda. Há diferença entre estar na moda e ter estilo."



Alexandre Herchcovitch, estilista:

"É se vestir com liberdade."



Giovanni Frasson, diretor de arte

"É ter personalidade. Mostrar pela roupa o que acumulou ao longo dos anos em cultura, experiência. Seja no estilo rocker ou clássico."



Mariana Weickert, apresentadora de TV

"É trabalho. É o que eu faço." Nelson Alvarenga, empresário, fundador da Ellus

"Estar na moda pode significar trabalhar com moda ou se vestir de forma contemporânea com as preferências de cada um." Gloria Coelho, estilista

"Vestir alguma novidade que faça você diferente. Pode ser algo feito por você mesmo."



Reinaldo Lourenço, estilista

"Estar na moda é nem pensar nisso."



Juliana Jabour, estilista

"É adequar a tendência ao seu biótipo e não ser o que não é."



Lilian Pacce, jornalista e apresentadora de TV

"É estar muito à vontade, mas muito bem-informado."




Fonte: Terra Moda

Marcas nacionais movimentam mais de meio milhão de reais em feira em Dubai





Doze marcas brasileiras foram levadas pelo Texbrasil (Programa Estratégico da Cadeia Têxtil Brasileira) para a edição especial da feira de moda Who´s Next & Première Classe, realizada entre os dias 11 e 13.10, em Dubai.



Normalmente realizada nos meses de janeiro e setembro em Paris, a edição nos Emirados Árabes foi uma oportunidade bem aproveitada pelos 12 expositores brasileiros: eles fizeram 294 contatos, 10 marcas fecharam negócios que somam U$ 336.547 (mais de R$ 583 mil) e sete têm expectativas de que, nos próximos 12 meses, venham a selar acordos que podem chegar a quase um milhão dólares.



O maior volume de transações foi feito pelas marcas Thais França, Gig, Marcia Ganem, Andre Ungaratto, Les Parents, Meudoxia, Patricia Bonaldi, Piedad, Lucidez, Eliane Matos, Feriado Nacional e Miezko. Além dos Emirados Árabes Unidos, Kwait, Egito, França, Arábia Saudita e Alemanha também devem fechar negócios com marcas nacionais.



Fonte: Chic- Gloria Kalil

O 2º Fashion's Night Out já tem data definida. Será que o Brasil participa de novo?






Parece que deu certo: pouco depois de um mês do primeiro Fashion’s Night Out, o prefeito de Nova York, Michael Bloomberg, a Vogue americana e o CFDA (Council of Fashion Designers of America) anunciam hoje (29.10) a segunda edição do evento, que tem como objetivo aquecer as vendas. Segundo o WWD, a data marcada para o próximo FNO é 09.09.2010 e a ideia é fazer um evento ainda maior no próximo ano.



Apesar de ter sido considerado um sucesso pela mídia internacional, os números da primeira edição não foram divulgados – os únicos dados são de um estudo independente, feito pelo ShopperTrak, que concluiu que o tráfego nas lojas aumentou em 50% naquela noite, e que 75% de 1.300 pessoas entrevistadas, comprou alguma coisa.



As marcas participantes gostaram da notícia e já até fizeram uma ousada proposta à prefeitura de NY: que o próximo FNO seja tax-free, ou seja, que as taxas municipais não sejam cobradas aos clientes.



Por aqui, ainda não há confirmação se as cidades brasileiras participam novamente da noite.



Fonte: Chic - Gloria Kalil

Bazar carioca com + de 80 marcas com até 70% de desconto


Para quem está no Rio de Janeiro, ou planeja visitar a cidade maravilhosa no próximo mês, uma dica: começou hoje, 28.10, a 26º edição do Top Fashion Bazar, que traz coleções de verões passados de marcas nacionais e importadas com até 70% de desconto.



O evento, que acontece no hipermercado Extra da Barra da Tijuca até 29.11, vai ter, entre outras, promoções de roupas femininas, masculinas e beachwear de mais de 80 nomes diferentes, como as brasileiras Osklen, Farm, Iódice, Salinas, Lenny e Forum e as internacionais Puma, Ralph Lauren e Lacoste eTommy Hilfiger - nesta última, por exemplo, um vestido polo que antes custava R$ 228, no bazar sai por R$ 78.





Top Fashion Bazar - Até 29.11. Todos os dias, das 16h às 22h.
Hipermercado Extra: av. das Américas, 1.510, Barra da Tijuca, Rio de Janeiro – RJ.
http://www.bazartopfashion.com.br/

Über Fashion

O Über Fashion existe desde 2009 e tem como publisher o blogger Fábio Monnerat.

O blog ainda conta com colunistas convidados.

O blog é indicado pelo EnModa e pelo curso de Fashion Business da FGV-RIO, já promoveu a abertura do verão de Búzios e faz palestras sobre moda masculina e comunicação de moda em todo o Brasil.

Alguns dos nossos parceiros: Handred, Cavalera, Profuse, Divertees, Poggio, Von Der Volke, Natura, Vichy, La Roche-Posay, Couthe, SkinCeuticals, Joias
Coacci, Sobre Barba,

Sua marca no Über, escreva para: ubermcom@gmail.com

Follow by Email